1. Ideias Iniciais

Dinâmica de atuação e referenciais do #LACOM_HMB

O objetivo do #LACOM_HMB – via o Prof. Luciano Basso – é a estruturação de atividades envolvendo profissionais, acadêmicos, pós-graduandos e graduandos para estudar e divulgar a temática das HABILIDADES MOTORAS BÁSICAS (HMB), tanto com enfase no desenvolvimento de pesquisa sobre os processos envolvidos no aumento de complexidade das HMB, quanto no estabelecimento de aplicação e implicação destes conhecimentos para a pedagogia do movimento relacionados a crianças e jovens. Isso para habilidades referentes ao meio terrestre quanto aquático. O LACOM tem desenvolvido estudos há mais de 25 anos tanto pensando em aulas no ambiente escolar quanto extra escolar, tanto no meio terrestre quanto no meio aquático. Os aspectos teóricos são os mesmos, mas modificando em função do ambiente (terrestre ou aquático) e tipo de objetivo (escola formal, extracurricular, clube, etc.).

A ideia é reunir quem goste de estudar educação física, criança e HMB. Não é preciso nenhum nível de conhecimento prévio ou habilidade específica, só vontade de aprender e interagir, auxiliando no avanço desta área e no desenvolvimento dos participantes.

Slide1 Slide2 Slide3

Nenhuma das atividades tem fins lucrativos para o nosso laboratório, em sua maioria as atividades serão gratuitas, outras apenas com custos relativos ao auxílio aos monitores e a compra de material para as próprias atividades. Partimos da ideia que o crescimento do conhecimento advém da partilha e interação entre profissionais e acadêmicos, e assim propomos a criação de um espaço virtual e presencial que permita uma maior conversa e interação entre profissionais/estudantes e Sociedade/Universidade. Nós como Laboratório de pesquisa apresentaremos e disponibilizaremos conhecimentos sistematizados de forma a auxiliar no desenvolvimento individual sobre conceitos, ideias e procedimentos nesta área. Por outro lado, esperamos dos membros a participação e proposição de atividades que permitam o avanço e a divulgação do conhecimento desta área.
Mais especificamente, nós iremos ministrar/organizar:

  • Reuniões temáticas – Palestras + discussões de questões;
  • Estudo em grupo via Fórum sobre artigos clássicos e atuais referentes ao desenvolvimento das HMB e aspectos pedagógicos relacionados ao processo de ensino-aprendizagem das HMB;
  • Cursos de difusão online/presencial – com certificado da USP permitindo a formação continuada sobre a avaliação das habilidades motoras básicas, a fim de possibilitar o aprendizado sobre a utilização de diferentes instrumentos e protocolos;
  • Pesquisas – Apresentação das pesquisas em andamento – possibilitando a participação dos membros, além de auxiliar na elaboração de membros que queiram realizar seus próprios estudos;
  • Divulgação – Organizar e disponibilizar o acervo de vídeos e textos com resumos e resenhas em português.

E esperamos que os membros auxiliem na:

  • Manutenção do Site das atividades – a maior parte das atividades será gravada e disponibilizada para estudo posterior e de novos membros; assim como a construção de guias de estudo, e material didático.
  • Tradução de textos já consagrados e atuais;
  • Elaboração de resenha de textos/artigos;
  • Produção de Vídeos – por exemplo, de crianças com dificuldades motoras, de crianças nas diferentes fases de desenvolvimento, e vídeos que mostrem exemplos de estratégias de ensino das HMB;
  • Coleta de dados – participando do treinamento e coleta de dados neste âmbito.
  • Análise de crianças realizando HMB – via vídeos de pesquisas que estão em desenvolvimento;
  • Busca de Material – auxiliando ampliar o nosso acervo de artigos e livros digitalizados – que será gradualmente aberto ao público do grupo – já há mais de 300 títulos organizados;
  • Moderação das discussões dos diferentes fóruns;

Apesar de apresentarmos as atividades que os membros podem desenvolver, não há cobrança para a realização destas atividades, pois sabemos da grande demanda que todos enfrentam no dia a dia acadêmico/profissional. A ideia é que cada um possa ver o que tem condições de auxiliar e tome a iniciativa, a ideia é ampliar este espaço – dada a ampliação do conhecimento (estruturando pesquisas) e a sua divulgação (tornando os trabalhos mais acessíveis a todos e auxiliando no estudo com os mais novos). Com o tempo serão apresentados os espaços/atividades que os membros podem auxiliar. A ideia é partilha: do conhecimento e de ideias para a ampliação do que sabemos sobre as HMB.

Como as atividades são abertas para pessoas do Brasil/exterior a participação poderá ser presencial e/ou virtual. A ideia é que a distância não seja um impedimento para a interação. Com isso, há um espaço de relacionamento mais amplo para os membros via FACEBOOK (#LACOM_HMB) e um espaço de trabalho onde as atividades são  organizadas via BASECAMP, as interações ocorrem via Hangout. É importante os membros terem acesso à internet e uma câmera e gradualmente aprendam a interagir nessas plataformas. Hoje já conduzimos esse tipo de atividade com alunos de graduação de diferentes lugares do Brasil, tem sido um aprendizado muito rico e promissor.
Nossa primeira ação foi a estruturação das REUNIÕES TEMÁTICAS.

  • Estas terão 1 hora de duração – 30 minutos de palestra + 30 minutos para responder questões sobre a temática.
  • Depois vamos ao BASECAMP e abrimos fóruns para continuar a discussão – ficando aberta a todos.
  • Após a reunião, o vídeo da mesma é disponibilizado para os membros que não puderam assistir.
  • Iremos ter um cronograma com temas e literatura previamente definidos – assim, pode-se preparar e enviar as questões para a segunda parte da reunião.
  • Em julho tivemos nossa primeira reunião. De agosto a novembro teremos 2 reuniões por mês. Assim até o fim do ano teremos realizado 9 reuniões.
  • Na primeira reunião foi apresentado estas e outras informações e trocamos ideias sobre o que sabemos a respeito das HMB.

Referencial: Conhecer-Intervir no âmbito das Habilidades Motoras Básicas

As transformações ocorridas na forma de viver trouxeram diferentes implicações na capacidade de movimentar-se do ser humano. Uma delas tem sido relacionada ao aumento nas taxas de prevalência de crianças com dificuldades motoras (Vandorpe et al, 2009), o que pode ser expresso nas indicações de uma tendência secular no declínio do desempenho das habilidades motoras na infância (Roth et al, 2010). Tais implicações chamam a atenção não só de pesquisadores da área do desenvolvimento motor como também de educadores de uma forma geral, pois a capacidade de movimentar-se está associada tanto ao desenvolvimento de diferentes domínios do desenvolvimento (Thelen & Smith, 1994, Piaget, 1975), quanto ao comprometimento futuro do bem estar e saúde das pessoas (Malina e Bouchard, 2002). Ressalte-se que pesquisas sobre essas questões no Brasil são bastante recentes, mas já se sabe que há alta prevalência de crianças que não atingem os patamares esperados em termos motores  (Cattuzzo e Pelegrini, 1991; Souza et ali, 2007;  Berleze et ali, 2007; Marques e Catenassi, 2005, Valentini, 2008).

Roberton (1989) expressa que uma questão crucial do ponto de vista profissional diz respeito aos professores não possuírem critérios para identificar os fatores a serem considerados na escolha das tarefas para auxiliar no desenvolvimento das habilidades motoras básicas, bem como para estabelecer metas de desenvolvimento, tendo dificuldade na adequação da tarefa e sua complexidade ao nível de desenvolvimento de seus alunos. Ao mesmo tempo os aspectos teóricos partem da concepção de que o desenvolvimento é um processo que resulta de interações entre organismo, seus subsistemas e o ambiente e que cada criança tem uma trajetória desenvolvimentista, mas não é nada claro como essas interações ocorrem e as trajetórias se formam. Ao perceber que há dificuldades tanto no âmbito profissional quanto acadêmico e estudar suas origens, pode-se notar que elas parecerem estarem intimamente conectadas.

A presente concepção de educação física parte da ideia de que para se ter uma intervenção profissional subsidiada pelos referencias teóricos atuais se faz necessário obter melhor entendimento de como as habilidades motoras básicas são adquiridas logo no início da infância e vão se tornando mais complexas – via estudos observacionais e de ensino. E assim, o foco dos estudos e discussões está em entender o processo de mudança destas habilidades considerando as relações entre e intra tarefas ao longo da idade e experiência.

Venha estudar e pesquisar com a gente. Aberto a estudantes e profissionais das diversas áreas. As atividades ainda não tem data marcada para ocorrerem – preencha o formulário para maiores informações –  clique aquiFaça sua inscrição clique aqui e solicite a sua inclusão no grupo do Facebook:  LACOM – Prof. Luciano Basso ou clique aqui.

Anúncios